Site Autárquico

Palácio de Estoi e Jardins

Imóvel de Interesse Público -

 

Francisco José Moreira de Brito de Carvalhal e Vasconcelos herda após a morte de seu pai, Fernando José Seabra e Neto, em 1782, a propriedade de Estoi.

Provavelmente não é aproveitada nenhuma das edificações existentes, tendo a obra nova surgido a partir de 1782-1783.O responsável pelo risco é desconhecido, podendo, no entanto, o arquiteto régio Mateus Vicente de Oliveira (1706-1785) que projetara décadas antes os planos para o Palácio de Queluz, ser o potencial autor.

O Palácio de Estoi pode ser integrado no conjunto dos melhores exemplares da arquitetura civil da 2.ª metade do século XVIII.

A propriedade ficou abandonada aquando a morte do último descendente. Em 1893, José Francisco da Silva gasta avultadas verbas na restauração do que estava arruinado e na construção de alguns elementos novos.

Em 1909 tem lugar a inauguração, mantendo-se na posse da família até 1987, ano em que foi comprado pela Câmara Municipal de Faro.

(Foto cedida por Luís Barriga)

Atualmente, o Palácio é uma Pousada da Enatur que sofreu obras de adaptação e ampliação com projeto do Arq. Gonçalo Byrne e do Arq.º Paisagista João Cerejeiro, sendo a única Pousada de Portugal, integrada no segmento de Pousada histórica design, na região do Algarve.

  

Ficha Técnica 

Classificação

Imóvel de Interesse Público

Encomenda

Filho primogénito do Coronel Francisco José Moreira de Brito Pereira Carvalhal e Vasconcelos; José Francisco da Silva

Autor/es

Domingos António da Silva Meira, arquiteto e decorador (Séc. XIX - recuperação); Gonçalo Byrne, arquiteto (adaptação a pousada)

Data de construção/reconstrução/outras intervenções

Séc. XVII, XVIII, XX e XXI

Tipologia

Arquitetura Civil - Palácio

Particularidades

Caracteriza-se por um marcado ecletismo, sendo considerado para muitos eruditos a mais reveladora manifestação do Romantismo no Algarve. O conjunto edificado está repartido por três níveis, precedidos por escadarias duplas, balaustradas e portões. O Palácio, ocupa o nível mais alto e apresenta uma mistura de conjunturas artísticas, com prevalência do Neoclássico, Neorococó e Arte Nova e está circundado por amplos jardins, adornados por lagos, fontes e decoração com bustos, painéis de azulejos e estátuas. Destacam-se um presépio da escola portuguesa do século XVIII e uma escultura da autoria de António Canova, denominada "As Três Graças".

   

Morada:
Rua São José,
Estoi
8005-456 Faro
37º5'47.06''N 7º53'44.76''W
Tel. (+351) 289 990 150
E-mail: recepcao.palacioestoi@pousadas.pt
Website: www.pousadas.pt

Vista exterior